PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 13 de Março de 2018 - 10:26
Planalto admite base menor desde que mais ativa na defesa de Temer



 
 

Planalto admite base menor desde que mais ativa na defesa de Temer

 
 

 

Diante da sangria do governo, com o enfraquecimento político de Michel Temer nos últimos dias, o Palácio do Planalto decidiu mudar a relação com os aliados: admite uma base menor desde que mais ativa na defesa do presidente.

 

Há forte preocupação no núcleo palaciano com a agenda negativa do governo: a quebra do sigilo bancário de Temer pelo Supremo; a quebra dos sigilos telefônicos de aliados; e o fato do presidente ter sido incluído no inquérito da Odebrecht na Lava Jato.

 

Por isso, o governo admite trabalhar com uma base aliada mais reduzida, mas bem mais fiel. Em troca, o governo vai concentrar emendas, cargos e até mesmo a reforma ministerial para o grupo que se mostrar mais leal ao presidente.

 

A avaliação no Planalto é que o governo não precisa mais aqueles 308 votos de quórum constitucional para aprovar a reforma da Previdência.

 

Diante disso, a estratégia é abrir mão de alguns aliados e até mesmo de partidos que já namoram com outras candidaturas, como o PSD, ou mesmo com candidatura própria como o DEM.

 

"Quem é aliado tem que defender o governo. E por isso, será recompensado. Mas não adiante ter um base extremamente numerosa, mas sem qualquer lealdade", disse ao blog um auxiliar de Temer.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
17/10/2018 - 12:31  Prefeitura de Dois Irmãos do Buriti realiza operação tapa-buracos por toda cidade.
17/10/2018 - 12:10  Falha em sites do Governo de MS suspende atendimentos de serviços
17/10/2018 - 12:06  Sem receber há 50 dias, servidores públicos estão há nove dias em greve
17/10/2018 - 10:21  Alerta de tempestade e queda de granizo em 38 cidades de MS nesta quarta-feira
17/10/2018 - 10:17  Transporte gratuito a doentes crônicos pode deixar de valer
17/10/2018 - 10:16  Municípios usarão recursos da Cesp em infraestrutura
16/10/2018 - 09:45  Em dez anos, usuários de MS fizeram mais de 450 mil trocas de operadoras
16/10/2018 - 09:25  Bombeiros salvam vida, mas agora respondem a processo
16/10/2018 - 09:00  MS teve 2,2 mil demissões por acordo desde o início da reforma
15/10/2018 - 17:33  Fazenda de traficante é 1ª na história transferida para governo paraguaio
15/10/2018 - 17:30  Estado diz que dinheiro só é suficiente para retomar Aquário sem licitação
09/10/2018 - 11:44  Uso de agrotóxicos coloca antas em risco na região do cerrado de Mato Grosso do Sul
09/10/2018 - 11:21   Enem para privados de liberdade é antecipado para 11 e 12 de dezembro
09/10/2018 - 11:19  Chuvas de outubro reduzem 77% dos incêndios em MS comparado a 2017
09/10/2018 - 11:18  Conselho Nacional de Justiça julga processo disciplinar contra a desembargadora Tânia
09/10/2018 - 09:51  Horas de chuva causam enchentes em seis cidades e deixam desalojados
08/10/2018 - 11:05  Governo chama candidatos da PM para prova de título e teste psicológico
08/10/2018 - 10:10  Conheça o Pantanal em preto e branco pintado por estudantes
08/10/2018 - 09:49  Imprensa internacional repercute vantagem de Bolsonaro
08/10/2018 - 09:22  Desafios do próximo governo vão de logística a ICMS do gás
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE