PUBLICIDADE
Geral
Noticia de: 23 de Outubro de 2018 - 09:26
STF julga inconstitucional lei de MS que proíbe tempo para uso de crédito de celular



 
 

Por unanimidade, os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) admitiram ação direta de inconstitucionalidade movida pela Associação das Operadoras de Celulares (Acen) contra a Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul e julgaram procedente pedido para tornar inconstitucional a lei estadual 4.804/2011, que proíbe a imposição de limite de tempo para a utilização de créditos ativados de telefones celulares pré-pagos no Estado. A decisão, proferida no dia 10 deste mês, confirma liminar que já havia sido concedida anteriormente à favor da suspensão da legislação, de acordo com publicação no Diário Oficial da União.

A lei foi apresentada em maio de 2011 na Casa de Leis, sendo vetada pelo Governo de MS dois meses depois, com a alegação de que não seria competência do Estado legislar sobre as ações das operadoras de telefonia, sendo esta uma prerrogativa apenas da União. No entanto, os deputados estaduais derrubaram o veto em setembro do mesmo ano e o projeto de lei foi promulgado pela Mesa Diretora da Assembleia Legislativa.

Pela matéria, de autoria do deputado estadual Paulo Duarte, o cliente de pré-pago poderia utilizar seus créditos comprados pelo tempo que achasse necessário. A operadora que descumprisse a lei ficaria sujeita às sanções como multa, suspensão temporária de atividade e até a revogação de concessão ou permissão de uso.

principal  |  voltar  |  imprimir

Últimas Noticias

.
16/07/2019 - 16:40  Eclipse parcial da Lua poderá ser visto a olho nu em MS
16/07/2019 - 13:27  Algumas ações do Presidente da Câmara Eder de Aguiar Viana
16/07/2019 - 12:10  Algumas ações do Prefeito Municipal Edilsom Zandona
16/07/2019 - 12:03  Clever perdeu duas casas em incêndios e precisa de ajuda para recomeçar
16/07/2019 - 11:48  Armageddon Etapa Campo Grande contou com recorde de público
16/07/2019 - 11:47  Geraldo Resende deixa Saúde para assumir posto em Brasília
16/07/2019 - 11:37  Leitura que liberta: presos usam tempo ocioso do cárcere para ler livros e diminuir pena
16/07/2019 - 11:37  Obras da Sanesul revolucionam cobertura de esgoto em Aquidauana
16/07/2019 - 10:44  Monitoramento de MS é um dos mais eficientes do País
16/07/2019 - 10:38  Em quatro anos, Governo promove ações e programas que garantem cidadania aos índios de MS
16/07/2019 - 10:34  Governador vistoria obra no lago do Parque das Nações Indígenas
16/07/2019 - 10:26  Eclipse lunar poderá ser visto de todo o Brasil na terça (16);
16/07/2019 - 10:25  Pedidos de aposentadoria disparam durante a reforma
16/07/2019 - 10:17  Durante bebedeira, idoso mata amigo com facada em MS
16/07/2019 - 10:12  Associação Médica denuncia uso de aplicativos na realização de consultas à distância
16/07/2019 - 10:04  Secretário de Saúde é exonerado para assumir mandato em Brasília por um dia
16/07/2019 - 09:53  Consórcio Guaicurus faturou R$ 464 mil por dia durante 2018, diz Agereg
16/07/2019 - 09:43  Polícia procura encapuzados que fizeram casal e criança de reféns
16/07/2019 - 09:30  Bandidos que invadiram agência da Caixa fugiram com mais de R$ 200 mil
16/07/2019 - 09:29  Em início de noite violenta, duas pessoas são assassinadas
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE